Este blog, criado em janeiro de 2007, é dedicado à minha filha Flavia e sua luta pela vida. Flavia vive em coma vigil desde que, em 06 de janeiro de 1998, aos 10 anos de idade, teve seus cabelos sugados pelo sistema de sucção da piscina do prédio onde morávamos em Moema - São Paulo. O objetivo deste blog é alertar para o perigo existente nos ralos de piscinas e ser um meio de luta constante e incansável por uma Lei Federal a fim de tornar mais seguras as piscinas do Brasil.

Reunião em Brasília com o relator da Lei Federal para Segurança em Piscinas.

- 10 de agosto de 2011
NotaA vida sugada por um ralo de piscina, texto de Eliane Brum no site da revista Época.
Na foto: Eu, e da esquerda para a Direita: Lawrence Doherty, Augusto Cesar Araujo, o Deputado Darcisio Perondi (de gravata vermelha) e Antônio Carlos Santos. Sentados na frente: Frederico Borges, chefe do gabinete do Deputado Perondi, e Nairio Augusto, diretor da Federação das Santas Casas do RS e Diretor Executivo da Associação São Camilo.

Conforme anunciei no post anterior, nesta terça-feira dia 09.08, estive em Brasília, em reunião com o Deputado Federal Darcisio Perondi, relator da Lei Federal para Segurança nas Piscinas do Brasil. E comigo levei alguns convidados de peso. Dois dos peritos em segurança de piscinas, que me assessoram tecnicamente na elaboração do texto que apresentei ao relator, como sugestão de emenda ao projeto 7414, apresentado em 2010 pelo Deputado Federal Dr.Rosinha. Os dois peritos que me acompanharam à Brasilia, foram os Srs. Augusto Cesar Araujo, representante da Anapp – Associação Nacional dos Fabricantes e Construtores de Piscinas e Lawrence Doherty, representante da Stingl Products, empresa americana que fabrica o SSLV - Sistema de Segurança de Liberação de Vácuo (esse pequeno aparelho que aparece na foto) um dispositivo de segurança de liberação de vácuo que em menos de 3 segundos automaticamente desliga a bomba da piscina, em caso de obstrução do ralo. Comigo foi também o Sr.Antônio Carlos Santos, do Rio de Janeiro e pai de Luiza, uma menina de 10 anos que faleceu em fevereiro deste ano de 2011, na piscina de uma residência, em um acidente com as mesmas características do acidente que deixou Flavia em coma vigil irreversível: Sucção dos cabelos pelo ralo da piscina.

Fomos muito bem recebidos pelo Deputado Darcisio Perondi que viu com atenção e interesse a apresentação que lhe fizemos em Power Point, reproduzindo o texto que lhe foi entregue com a sugestão de emenda ao Projeto de Lei 7414 proposto em 2010 pelo Deputado Federal Dr.Rosinha, baseado no caso de Flavia.

O texto que entregamos ao relator contém importantes sugestões de emenda ao Projeto, apresentado pelo Dr.Rosinha, que assim como os projetos anteriores não mencionava a sucção dos ralos das piscinas, causa determinante dos muitos acidentes com ralos de piscinas que continuam a matar pessoas, principalmente crianças.

E na sugestão de emenda ao projeto de Lei 7414, estão apresentadas as soluções técnicas para eliminar a sucção dos ralos das piscinas, como por exemplo, a exigência de dois ralos de fundos para piscinas novas, a tampa antiaprisonamento, (por exemplo, a tampa FSB já aqui mencionada) respiro atmosférico, etc. Oportunamente publicarei aqui de forma detalhada essas sugestões contidas na emenda entregue ao relator.

O Deputado Darcisio Perondi, que afortunadamente é da área da saúde, pois é médico pediatra, disse que a lei vai sair e prometeu tratar o assunto com celeridade. Estaremos monitorando esse tempo. Peço ajuda a todos para divulgar não só que entregamos nosso texto ao relator, mas que precisamos que nossas sugestões sejam levadas em consideração na redação final da lei, já que foi um trabalho feito por técnicos e peritos em segurança de piscinas e por pessoas que conhecem sobre os perigos e as soluções para a segurança nas piscinas. Essa lei,aplicada com rigor e com sanções aos infratores,  vai salvar muitas vidas.

Conto com vocês para a divulgação deste importante passo dado em direção a Lei Federal para Segurança nas Piscinas do Brasil, seja em seus blogs, ou em suas redes sociais.

A assessoria de imprensa da Câmara dos Deputados, no site do Deputado Darcisio Perondi publicou a matéria Projeto visa evitar acidentes por sucção em piscinas.

SEGURANÇA NAS PISCINAS. ESTA É UMA CAUSA DE TODOS NÓS.

Até o próximo post.

Meu nome não é Odete, como algumas pessoas escrevem nos comentários, é Odele, com L e não com T.
Obrigada.

25 comentários

  1. Estava a aguardar, com alguma ansiedade, notícias dessa reunião em Brasília.
    E pelo que li, tanto aqui como na página do deputado Perondi, sou levado a concluir que o encontro correu de modo muito positivo.
    Penso que o deputado ficou devidamente sensibilizado para a necessidade de criar essa lei federal, mais completa e abrangente do que a anterior que teve o deputado Rosinha como promotor.
    Para essa sensibilização contribuiu essencialmente a tua acção, empenhada, persistente e qualificada.E também a presença dos outros elementos que te acompanharam a Brasília.
    Penso, sinceramente, que desta vez, foi dado um passo muito importante no sentido dessa lei federal que pode salvar vidas e ser um serviço público prestado ao teu país e também ao resto do mundo, como exemplo a seguir.
    Vamos, agora, procurar manter o assunto bem vivo, para que o deputado Perondi e o seu gabinete se sintam motivados a serem céleres para que, em breve, essa lei seja um facto.
    Parabéns Odele por mais esta pequena vitória que pode somar-se a muitas outras.
    Força, amiga!

    ResponderExcluir
  2. Estava a aguardar, com alguma ansiedade, notícias dessa reunião em Brasília.
    E pelo que li, tanto aqui como na página do deputado Perondi, sou levado a concluir que o encontro correu de modo muito positivo.
    Penso que o deputado ficou devidamente sensibilizado para a necessidade de criar essa lei federal, mais completa e abrangente do que a anterior que teve o deputado Rosinha como promotor.
    Para essa sensibilização contribuiu essencialmente a tua acção, empenhada, persistente e qualificada.E também a presença dos outros elementos que te acompanharam a Brasília.
    Penso, sinceramente, que desta vez, foi dado um passo muito importante no sentido dessa lei federal que pode salvar vidas e ser um serviço público prestado ao teu país e também ao resto do mundo, como exemplo a seguir.
    Vamos, agora, procurar manter o assunto bem vivo, para que o deputado Perondi e o seu gabinete se sintam motivados a serem céleres para que, em breve, essa lei seja um facto.
    Parabéns Odele por mais esta pequena vitória que pode somar-se a muitas outras.

    ResponderExcluir
  3. Subscrevo totalmente o post do Peciscas, pois eu também estava com alguma ansiedade por saber as notícias.

    Li tudo e inclusivé já mandei a muita gente de cá que têem ou exploram piscinas, para que vigiem mais e ou sigam o vosso exemplo.

    Vai dar tudo certo!

    Aquele abração meu doce!

    ResponderExcluir
  4. que bom que essa Lei vai em frente.
    parabéns Odele pelo teu trabalho.

    ResponderExcluir
  5. PARABÉNS pela luta, pela força, Odele!

    Suely

    ResponderExcluir
  6. Odele

    Colhendo frutos de sua perseveranca e dedicacao.

    Parabens Odele, e tambem a todos que apoiam e fazem acontecer.


    Beijinhos para vcs 2.

    ResponderExcluir
  7. Odele!, acabei de ler a matéria na Época, na coluna da Eliane Brum, fico feliz que as coisas estejam caminhando, esse caminho longo...
    Torço para que o projeto saia de fato dos papéis.
    abraço!

    ResponderExcluir
  8. Odele,

    Eu vi a materia na Revista Epoca sobre esta viagem e compartilhei. Isso é muito serio. Estou torcendo pelo sucesso de seu trabalho, pela segurança de muitas outras vidas.

    Um beijo,

    ResponderExcluir
  9. Querida Odele,

    Tua luta atinge um objetivo importante. Torço pela aprovação da Lei. Pode demorar um pouco mas, pela relevância, será aprovada.

    Li o artigo da Eliane Brum. Uma peça jornalística limpa. Verdadeiramente tens uma grande colaboradora na grande imprensa. Cumprimente-a por mim.

    Um beijo grande para você e Flávia.

    Leila Jalul

    (não estou conseguindo enviar pela conta google)

    ResponderExcluir
  10. Olá Odele,

    Conheci o seu blog e sua luta através da coluna da Eliane Brum.
    Fiquei muito emocionada com sua história e da sua filha.
    Com certeza vou acompanhar o seu blog e o andamento do Projeto, torcendo para que este seja aprovado e implantado.

    Um grande abraço.

    Alessandra

    ResponderExcluir
  11. Boa tarde, Odele..
    Quero te parabenizar pela incansável
    luta e pela contagiante esperança!
    Fiquei sabendo do blog através do artigo de Eliane Brum e estou maravilhada com a sua perseverança.
    Queira Deus que essa lei se efetive o mais rápido possível.. Não pare de crer nunca e saiba que a Flávia pode ter um grande orgulho de uma mãe como você! Beijos, que Deus as abençõe sempre! ;*

    ResponderExcluir
  12. Prezada Odele,

    Li sobre a luta de vocês na coluna da Eliane Brum. Assinei a petição e repassarei para os meus contatos, para que façam o mesmo.

    ResponderExcluir
  13. Odele querida, ando meio afastada dos blogs e só há pouco vi teu e-mail.
    Postei alguma coisa lá no blog e espero que esta tua luta não seja em vão, guerreira.
    Bjim pra ti e pra Flavinha.

    ResponderExcluir
  14. Odele, realmente os seus esforços para ajudar outras pessoas estão surtindo efeito. Vamos exigir juntos esta lei para regular os dispositivos de pscinas.

    Um abraço para você e para Flavia.

    ResponderExcluir
  15. Emocionada com a sua história e sua força. Obrigada por ajudar ao mundo. Bjs.

    ResponderExcluir
  16. Que bom que finalmente parece aparecer a tal luz ao fundo do túnel em relação a essa lei.
    Odele eu vou passando. Muitas vezes não digo nada mas sabe que sempre estou desejando o melhor para si e para a Flavia. Mas sobretudo desejava que se fizesse justiça e se evitassem outros casos pelo mesmo motivo.
    Um abraço para as duas

    ResponderExcluir
  17. ODELE...
    SUA FORÇA.. SUA LUTA... SUA ENERGIA ACOLHE MINHA ANSIA EM TAMBÉM NÃO DEIXAR A 'VIDA NOS SUGAR'. QUE BELO TRABALHO VOCÊ FAZ. QUE BELA MÃE VOCÊ É. QUE BELO AMOR VOCÊ E SUA FILHA TÊM. CONTINUE CAMINHANDO... SEMPRE!
    BEIJOS GRANDES
    DANYFRAN

    ResponderExcluir
  18. ...nem sempre comento,
    mas Flavinha e família
    estão em minhas orações
    diárias, e sei que Deus
    é conosco SEMPRE!

    esta tua luta ainda dará
    doces frutos.

    bjs, alma linda!

    afagos na menina linda!


    Vivian

    ResponderExcluir
  19. Que bonita tua história. Tua luta é um objetivo é muito importante que irá trazer uma colheita de bons frutos na tua vida. Um Abraço!

    Smareis

    ResponderExcluir
  20. Parabéns, Odele, pela luta e pela força que tem. E obrigada por enviar o link da matéria da Eliane. Li com a emoção de sempre e saber do seu trabalho me comoveu ainda mais. Torço e rezo para que sua luta e de outros pais não seja em vã e que a Lei de Segurança nas Piscinas seja aprovada e regulamentada o quanto antes.
    Continuo te acompanhando e te admirando ainda mais. Fica com Deus. Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Muitos, muitos beijinhos para a Odele e para a Flavia. Martinha

    ResponderExcluir
  22. Odele, vi que visitou meu blog. Obrigada.
    Faz tempo que acompanho a história de Flavia minha xará e sua história tb.
    Bjs e luz.

    ResponderExcluir
  23. Nunca esqueço a Flávia, a menina e a sua mãe coragem.

    A prova é que estou aqui a enviar, para ambas, um grande beijinho.

    ResponderExcluir
  24. Odele, nao vi seu email, nao.Vc mandou para qual email?Li seu post anterior e, agora, esse. Eu nao estou na Suecia, desde inicio de Agosto.E, consequentemente, nao tenho postado nada, pois venho usado cybercafe -quando dar.
    nenhuma luta é vå. Tudo faz sentido e vc há de conseguir conscientizar pessoas que estao à frente de projetos por que a luta a favor de criancas, é uma luta de todos.
    Bjs e dias felizes nas duas.

    e o filho, cpmo vai indo na Terra do Tio Sam?

    ResponderExcluir
  25. Sou a favor do rigor de lei nas responsabilizações. Dizem alguns que a Constituição de 1988 desresponsabilizou demais, e o país vive esta tragédia de mais de um milhão de assassinos soltos pelas calçadas, ruas e elevadores. Se um responsável por funcionar uma piscina tivesse certeza que pegaria sem redução 30 anos de cadeia, não deixaria nem uma palha dentro dágua na hora da limpeza.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails